quarta, 19 de dezembro de 2018
Cidades
Compartilhar:

Área de preservação serve como depósito de lixo

Aline Martins / 31 de janeiro de 2018
Foto: Nalva Figueiredo
Cobertura de metal, sujeira e instalação de tendas em cima da vegetação de restinga. Tudo isso é proibido, pois a vegetação fixadora de dunas, que cobre boa parte da areia das praias, evitando que o vento as empurre para o calçadão ou para as residências, é protegida pela Lei Federal 12.651/2012. No entanto, na orla de João Pessoa é possível verificar o desrespeito e a má educação por parte de algumas pessoas.

Na praia de Tambaú, a reportagem flagrou restos de sacos plásticos, tijolos velhos, papelão, além da placa de sinalização destruída. Há também quem faça o local de moradia. Além disso, uma cobertura de metal, que pertence a um quiosque, estava sobre a vegetação de praia.

O proprietário, José Ramalho, informou que a coberta seria retirada nessa terça-feira (30) à noite. “Não vejo problema colocar porque vamos retirar rápido”, frisou. Já no Bessa, na Avenida Valdemar Chianca, há lixo e a vegetação quase entrando nos prédios.

Na praia de Cabo Branco, por sua vez, a vegetação fixadora de dunas apresenta bom estado de conservação, inclusive bem sinalizada sobre a preservação do local.

Fiscalização. O chefe de Fiscalização da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semam), Allison Cavalcanti, disse que “toda vez que vez que recebemos denúncia vamos até o local. Uma vez constatado, pedimos para que retirem. Se houver dano permanente entramos com uma ação e apreensão do material ou lavratura de multa”.

A multa varia de R$ 2 mil até R$ 1,5 milhão, dependendo da cotação da Ufir.

Emlur realiza catação

A Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) informou que faz diariamente a limpeza da orla, com o apoio dos agentes que realizam o serviço de catação e varrição na faixa de areia, calçadinha e ciclovia. Como a vegetação de restinga é protegida, por se tratar de uma reserva ambiental, apenas o serviço de catação pode ser realizado. O setor Operacional da Emlur e as empresas terceirizadas que realizam a limpeza no local citado foram comunicados para reforçar o serviço.

Relacionadas