domingo, 19 de novembro de 2017
Cidades
Compartilhar:

Apenas 60% pagam IPVA na Paraíba

Érico Fabres / 05 de abril de 2016
Foto: Arquivo
Se o paraibano fica um pouco mais aliviado pelo fato do valor médio do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) por veículo ser o mais baixo do Brasil (R$ 209,14 – menos da metade da média nacional de R$ 428,28), ele também pode se sentir injustiçado.

Isso porque essa média poderia ser mais baixa se 40,8% da frota de 1,1 milhão de veículos não fosse isenta, a maioria por ter mais de 15 anos de fabricação. O levantamento, realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), mostrou que o Estado arrecadou R$ 231,1 milhões na Paraíba, podendo ser quase o dobro.

O objetivo do imposto é arrecadar fundos para a realização de obras e manutenções nas estradas, ruas e rodovias de todo o país, sendo 50% do valor arrecadado é destinado ao município onde o veículo está licenciado. Com a isenção para 40,8% da frota, deixam de ser arrecadados aproximadamente R$ 95,1 milhões.

Reajuste. O volume do imposto arrecadado do Brasil no ano passado foi de R$ 38,8 bilhões, um aumento de 18,57% em relação ao ano anterior. Em 2014 o valor significava R$ 32,7 bilhões. O IPVA é um tributo estadual, cuja arrecadação é a segunda mais importante, seguida do ICMS.

De acordo com o presidente executivo do IBPT, João Eloi Olenike, é interessante observar que alguns estados oferecem uma tributação menor que os outros, entre outras facilidades burocráticas, e que, de acordo com a distância geográfica, pode estar havendo uma migração de contribuintes para estas localidades de tributação menor.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba.

Relacionadas