domingo, 19 de novembro de 2017
Política
Compartilhar:

Termina hoje prazo para ‘janela partidária’

Adelson Barbosa / 19 de março de 2016
Foto: ilustração
Termina hoje o prazo da “janela partidária” que permite a troca de partido por parlamentares que vão disputar as eleições deste ano.  A “janela” protege os parlamentares contra a infidelidade partidária que pode resultar na perda de mandatos. Ontem, foi grande a movimentação entre vereadores de João Pessoa e Campina Grande que vão disputar as eleições e enfrentavam problemas nos partidos pelos quais foram eleitos anteriormente.

Houve quem trocasse um partido grande para ingressar em um pequeno, com medo da derrota nas urnas.

Em uma legenda grande, é possível a um candidato obter até 5 mil votos e não obter a vitória, como ocorreu, por exemplo, com o pastor Miguel Arcanjo, da Igreja Universal do Reino de Deus nas eleições passadas. Já em uma legenda pequena, é possível conseguir a vitória com menos de 2 mil votos. Foi o que o aconteceu com o vereador Santino, em 2012.

A “janela partidária” que permite o troca-troca de partidos foi criada pela Emenda Constitucional 91/2016 e pela minirreforma eleitoral que reduziu de um ano para seis meses o prazo mínimo de filiação partidária com fins eleitorais.

Mas quem não é parlamentar, não é filiado a qualquer partido e pretende disputar um mandato nas eleições de outubro, tem até o dia 2 de abril para ingressar em alguma legenda.

Relacionadas