Acesso

Política
Compartilhar:

Ricardo se afasta e Paraíba fica com dois novos governadores até o dia 26

André Gomes / 17 de julho de 2015
Foto: Secom-PB
Até o final da próxima semana a Paraíba terá dois novos governadores. É que ontem o governador Ricardo Coutinho (PSB) transmitiu o cargo ao presidente da Assembleia Legislativa (ALPB), Adriano Galdino (PSB), e ao presidente do Tribunal de Justiça (TJPB), desembargador Marcos Cavalcanti. Cada um assumirá por um período. Ricardo e a vice-governadora, Lígia Feliciano (PDT), estarão fora do estado nos próximos dias. Na ocasião, o governador também sancionou os projetos que tratam dos precatórios.

Minutos antes de passar o cargo em uma cerimônia no Palácio da redenção, o governador Ricardo Coutinho disse que os governadores interinos terão a missão de dar continuidade às ações do Governo. “Estarão à frente do Executivo com características diferenciadas porque são dois homens diferentes e que tem minha mais profunda admiração. O Governo age com descrição e com austeridade quanto aos recursos do povo, então eles estão preparados como a própria vida deles demonstra”, destacou.

Entendendo como uma boa oportunidade para o convívio entre os Poderes, Ricardo Coutinho disse que a experiência será boa para os presidentes da ALPB e do TJPB porque vai possibilitar um conhecimento mais amplo do Estado, ajudando nos momentos de apreciação de matérias na Assembleia Legislativa e nos julgamentos no Tribunal de Justiça.

A cerimônia realizada no Palácio da Redenção contou com presenças de grande parte dos desembargadores do TJPB, além de juízes e advogados.

A surpresa ficou por conta da presença de deputados que fazem oposição ao Governo na Casa de Epitácio Pessoa. Entre os parlamentares presentes estavam o líder da bancada de oposição, Renato Gadelha (PSB), Janduhy Carneiro (PTN), Camila Toscano (PSDB) e Jutay Meneses (PRB).

Relacionadas