domingo, 19 de novembro de 2017
Eleições
Compartilhar:

Veneziano nega recuar de pré-candidatura em CG

Nice Almeida / 18 de março de 2016
Foto: Nice Almeida
Nem mesmo a possibilidade de disputar as eleições contra o aliado Adriano Galdino (PSB), o deputado Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) irá recuar da decisão de entrar na briga pelo comando de Campina Grande nas eleições deste ano. A garantia vem do próprio peemedebista que, em entrevista ao programa Correio Debate, da rádio Correio Sat, disse que o martelo está batido em torno do seu nome.

"A candidatura foi posta e não há nenhuma outra movimentação, nem razão para que nós desistíssemos. Fico feliz em ver o nome dela ser lembrado (a esposa Ana Cláudia), mas ela me dá a permissão de saber que somos nós o pré-candidato do PMDB. E eu continuo firme no PMDB", assegurou.

Veneziano lembrou que, embora o PSB tenha lançado o nome do presidente da Assembleia Legislativa depois de ter o próprio partido sugerido o do peemedebista, as relações continuam sem rachaduras. "Fatalmente aquele que vier a obter êxito, passando para uma segunda etapa, deverá recepcionar a ajuda daquele que por ventura não teve esse sucesso. Já que não tivemos condições de manter essas relações,  repetindo sem que aqui estejamos nós a questioná-la, a decisão final do PSB de apresentar o presidente Adriano Galdino, depois de ter sido o próprio PSB a sugerir o nosso nome , mas isso não criou dificuldade de convivência", ressaltou.

O assunto 2018 também surgiu durante a entrevista. Porém, Veneziano afirmou não querer antecipar essa discussão. "Eu não gosto de trabalhar com projeções futuras. A candidatura em Campina Grande não servirá como trampolim para 2018. Vamos primeiro fazer esse enfrentamento. Posteriormente será Campina a decidir", concluiu.

Veneziano também falou sobre seu posicionamento a respeito do impeachment da presidente Dilma Rousseff. Veja o vídeo:


Relacionadas