quarta, 18 de outubro de 2017
Eleições
Compartilhar:

Eleição causará reforma administrativa na Prefeitura de João Pessoa já em dezembro

Adelson Barbosa dos Santos / 20 de agosto de 2015
Foto: Arquivo
Suplente, Edson Cruz revelou, nessa quarta-feira (19), um acordo chancelado pelo prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), em relação aos vereadores que ocupam secretarias na gestão municipal.

Pelo acordo, segundo Edson Cruz, os vereadores Marcos Vinícius (Comunicação), Helton Renê (Procon) e Pedro Coutinho (Instituto de Previdência do Município) são exceções e poderão permanecer nos cargos que ocupam até março do próximo ano.

Sendo assim, o próprio Edson e os outros dois suplentes - Waldir Dowsley (Dinho) e João Corujinha- terão mais tempo nos mandatos que ocupam na Câmara hoje.

O secretário de Articulação Política, Adalberto Fulgêncio, disse que o assunto está sendo conversado internamente e que o prefeito deve se pronunciar sobre o assunto até novembro. “Em novembro, o prefeito decide quem fica e quem sai. É prerrogativa dele. No entanto, pede haver alguma excepcionalidade e não há nada em definitivo”, disse.

No entanto, segundo ele, o governo tem que estar focado na gestão. “Por isso, acho que, em nome da boa gestão, o meu conselho é que todos os que forem candidatos, tenham mandatos ou não, entreguem os cargos até dezembro para que o prefeito possa recompor a equipe e encerrar o ano com tudo encaminhado”, comentou.

Segundo Adalberto, como a gestão é prioridade e o trabalho é a primeira ordem, “é bom que o time de 2016 esteja pronto e completo já em dezembro deste ano”.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba

Relacionadas