segunda, 16 de outubro de 2017
Política
Compartilhar:

CUT quer duas mil pessoas nas ruas de Campina Grande durante marcha em defesa de Dilma

Jôsi Simão / 20 de agosto de 2015
Foto: Divulgação
O ato organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT-PB), sindicalistas e movimentos sociais na Paraíba pretende reunir uma média de 2 mil militantes hoje, em Campina Grande. Segundo os organizadores a marcha não é unicamente em defesa da presidente Dilma Rousseff, mas do Estado Democrático de Direito, da Constituição e do Calendário Eleitoral.

Os participantes devem percorrer as principais ruas do centro de Campina Grande, a partir das 15h.

De acordo com o presidente do PT na Paraíba, Charliton Machado, sairão de João Pessoa uma média de 450 pessoas, capacidade máxima do número de lugares nos 10 ônibus previstos para deixar a Capital, entre meio dia e 13h.

A organização prevê que ativistas e participantes de movimentos sociais e sindicais de 24 cidades paraibanas, inclusive de partidos divergentes no plano nacional, estarão presentes.

Cada instituição vai defender uma bandeira específica.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba

Relacionadas