quinta, 20 de setembro de 2018
Política
Compartilhar:

Cássio entra com representação criminal contra Dilma Rousseff

Da redação / 11 de abril de 2016
Foto: Rafael Passos
O senador paraibano Cássio Cunha Lima (PSDB) entrou com uma representação criminal na Procuradoria Geral da República contra a presidente Dilma Rousseff (PT). A informação foi levanta pelo jornal Correio Braziliense. De acordo com a reportagem, o parlamentar alega que Dilma teria praticado crime de corrupção passiva privilegiada ao nomear o ex-presidente Lula para ministro da Casa Civil.

Na processo jurídico, Cássio solicita ao procurador-geral Rodrigo Janot a abertura de investigação criminal visando apurar a materialidade e a autoria dos fatos.

“O ato de nomeação praticado pela presidente Dilma demonstra a nítida intenção de beneficiar o ex-presidente Lula. Ela comete infração de seu dever funcional ao não observar e zelar pelos princípios constitucionais da Moralidade, Impessoalidade e de atentar contra o livre exercício do Poder Judiciário”, afirmou Cássio na reportagem.

Relacionadas