segunda, 17 de junho de 2019
Política
Compartilhar:

Cassação de Berg Lima, prefeito afastado de Bayeux, deve ser julgada até quinta-feira

Alexandre Kito / 26 de dezembro de 2017
Foto: Assuero Lima
O presidente da Comissão Processante que investiga o pedido de cassação do prefeito afastado de Bayeux, Berg Lima, o vereador Jeferson Kita (PSB), afirmou que a sessão de julgamento para definir sobre a permanência do gestor afastado deve acontecer até a quinta-feira. O relatório com o parecer final deve ser entregue em plenário nesta terça-feira, mas o vereador admitiu que a expectativa é que a votação aconteça em seguida, ainda esta semana.

Jefferson Kita vai se reunir com a relatora da comissão, vereadora Francineide Barbosa de Souza (Podemos), para que ela agilize o parecer. O desejo da comissão é votar ainda esse ano. “Já que não deu para julgarmos o processo antes do Natal, vamos concentrar todos os esforços para que a sessão de julgamento aconteça ainda este ano, antes do fim do prazo estabelecido para encerramento”, comentou presidente da comissão.

O advogado Raoni Vita, que está á frente da defesa de Berg, em 20 páginas fez um apanhado geral apontando a fragilidade da denúncia, da improcedência da acusação e disse que o gestor afastado foi vítima de uma armação.

Ele ressaltou, que próprio empresário, José Paulino, co-autor da denúncia, afirmou em depoimento que não possui qualquer prova da suposta negociação ou exigência.

Relacionadas