sábado, 17 de fevereiro de 2018
Política
Compartilhar:

Bruno Farias antecipa decisão do PPS e rompe com o prefeito Luciano Cartaxo

Redação com assessoria / 12 de Abril de 2016
Foto: Arquivo
O presidente do PPS de João Pessoa, vereador Bruno Farias, não esperou para a reunião marcada para esta quinta-feira (14) com os integrantes do partido e antecipou a decisão sobre com quem vai caminhar nessas eleições. Em pronunciamento feito na Câmara Municipal ele confirmou ingresso na bancada de oposição e, consequentemente, rompimento com o prefeito Luciano Cartaxo (PSD).

Após o pronunciamento, Bruno posou em foto ao lado do socialista Renato Martins, líder da bancada de oposição, dando sinais de que PPS e PSB podem voltar a se aliar. Bruno Farias chegou a ser secretário dessa gestão, mas deixou o cargo em meio a um estremecimento na relação com o prefeito.

Da tribuna, o vereador apontou falhas à gestão e comentou a respeito da carta publicada pelo vice-prefeito de João Pessoa e presidente estadual do PPS, Nonato Bandeira, que, de maneira muito clara e verdadeira, expôs os motivos que o conduziram à decisão politica de afastamento do projeto liderado por Luciano Cartaxo.

“Além de não acolher as muitas ações, ideias, sugestões e propostas que propugnamos à gestão, simplesmente alijou o nosso partido e, em especial o vice-prefeito, Nonato Bandeira, do centro das decisões políticas e administrativas. Ofertamos o nosso melhor ao prefeito, nosso esforço, empenho, experiência, expertise, nossos melhores valores éticos e nossos principais quadros técnicos, mas o prefeito isolou-se numa redoma de vidro e renegou a nossa contribuição, tratando a nossa legenda, que foi aliada de primeira hora nas eleições de 2012, como se fôssemos adversários políticos”.

Bruno convocou o Diretório e os pré-candidatos à Câmara Municipal do PPS para discutirem o posicionamento da legenda no pleito eleitoral deste ano. A reunião está marcada para as 17h da próxima quinta-feira (14), no hotel Hardman, em Manaíra.

Relacionadas