segunda, 16 de outubro de 2017
Geral
Compartilhar:

Paraibanas têm a maior média de limitação intelectual do Nordeste

Bruna Vieira / 22 de agosto de 2015
Foto: Divulgação
Dos paraibanos com deficiências, 71,5% não nasceram com elas, mas adquiriram ao longo da vida ou por doenças e acidentes. Em relação à deficiência intelectual, as mulheres apresentam a maior média do Nordeste. Elas também são a maioria com deficiência visual, mas das 49 mil acometidas, apenas 331 frequentam algum serviço de reabilitação.

Os dados nacionais mostram que a maior parte das pessoas com deficiência possui nível de instrução baixo e mais de 60 anos.

Idosos precisam de mais ajuda no Estado

A Paraíba é o segundo estado do Brasil, onde os idosos tem mais dificuldade para realizar atividades de vida diária – AVD. 10,2% das pessoas com mais de 60 anos tem dificuldade para comer, tomar banho, ir ao banheiro, vestir-se, andar e deitar-se sozinhas. No Nordeste, 7,4% das pessoas que necessitaram de ajuda para essas atividades, não obteve.

Saiba mais na edição deste sábado do Jornal Correio da Paraíba. 

Relacionadas