domingo, 18 de fevereiro de 2018
Geral
Compartilhar:

Ex-vereador paraibano morre com suspeita de Guillain-Barré

Ana Daniela Aragão / 14 de Abril de 2016
Foto: Arquivo
Raimundo Ângelo da Costa, de 77 anos, ex-vereador de Diamante, no Sertão do Estado, teria morrido na noite da última terça-feira, devido a complicações da síndrome de Guillain-Barré. De acordo com a direção do Ortotrauma, em Mangabeira, na Capital, ele estava internado há 23 dias no hospital. Segundo um membro da família que pediu para não ser identificado, o ex-vereador estava com 46 graus de febre quando deu entrada na unidade.

O familiar disse que o ex-vereador começou com dores nas articulações e dificuldade para falar. “Ele chegou a ser atendimento e realizar exames em clínicas particulares em Diamante e foi diagnosticado com dengue, zika e chikungunya. Alguns dias depois, ele piorou”, disse.

Segundo o parente, Raimundo Ângelo chegou ao Ortotrauma já sem falar e com os membros paralisados.

Leia Mais

Relacionadas