terça, 17 de outubro de 2017
Geral
Compartilhar:

Correio da Serra FM de Solânea comemora seis anos de fundação

Beto Pessoa / 10 de agosto de 2017
Foto: Divulgação
A Rádio Correio da Serra FM (100.3), com sede em Solânea, distante 143 km de João Pessoa, completa hoje seis anos, levando informação e entretenimento para 45 municípios do Agreste paraibano.

De acordo com a gerente da rádio, Maria Dias, a data marca mais um ano de comprometimento e cobrança das demandas do povo daquela região. “Além de ser uma opção de entretenimento para o nosso povo, a Correio da Serra FM tem, acima de tudo, a missão jornalística de cobrir os fatos mais importantes da nossa região e prestar o devido serviço de utilidade pública, informando e, também, colaborando para fortalecer a economia local”, disse. A gerente da rádio reforçou o histórico de parceria ao lado dos que mais precisam. “Fazemos da comunicação não apenas o nosso ofício diário, mas nosso princípio para formar opinião, deixando nossa gente ciente de seus direitos e deveres como cidadãos.

A Rádio Correio da Serra completa seis anos fortalecendo a história do nosso povo, o que tem consolidado a rádio como uma das melhores da região em tão pouco tempo”, destacou Maria Dias. Três programas compõem a grade da rádio Correio da Serra FM: Correio da Manhã, das 7h às 9h; Músicas da Fé, das 10h às 11h; e Show da Correio, das 11h às 12h. Algumas das cidades que recebem o sinal da rádio são: Solânea, Bananeiras, Arara, Pilões, Areia, Serraria, Alagoa Nova, além dos municípios do Rio Grande do Norte, Pedro Velho e Nova Cruz.

O apresentador do Correio da Manhã, Lindomarques Silva, destaca o papel social que exerce a rádio. “É o principal instrumento para que a população da região da Serra usa para reivindicar suas demandas e cobrar da gestão pública ações e melhorias. Fazemos da Correio da Serra FM um espaço onde prevalece a soberania do povo”, disse. A Rede Correio Sat já conta com 15 rádios e está presente em 100% de todo o Estado, através das filiadas do Sistema Correio. A previsão é que até 2019 mais cinco rádios façam parte da rede.

Relacionadas