segunda, 25 de setembro de 2017
Vôlei
Compartilhar:

Vencedores da areia: Federação Paraibana de Vôlei constrói atletas

Giovanni Marques, especial para o Correio / 05 de agosto de 2015
Foto: Arquivo
O Departamento de Vôlei de Praia da Federação Paraibana de Voleibol está preparando outros atletas que possam seguir os passos dos paraibanos Zé Marco (medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Sidney) e de Jorge/ Renatão (quarto lugar nas Olimpíadas de Pequim) a nível internacional. Já surgem neste contexto os nomes de Renato Andrew, Rafael Andrew e Matheus Brito que se consagraram campeões mundiais escolares de 15 a 17 anos neste ano.

Ainda são realizadas etapas nas categorias master para mostrar que o vôlei de praia pode ser praticado em qualquer idade. Quatro etapas são realizadas no master 35+, 45+ e 55+ e também recentemente foi realizado pelo desportista Tadeu Albuquerque um torneio com atletas de 60 anos. Desta forma mostramos a qualidade de vida destes atletas.

Com este trabalho a Federação Paraibana de Voleibol é reconhecida nacionalmente tanto pelos atletas da modalidade como pela Confederação Brasileira de Voleibol que apoia as iniciativas desenvolvidas pelo presidente Carlos Fernandes de Lima Filho. Recentemente o presidente conseguiu homologar o primeiro Campeonato Brasileiro Sub 16, que será realizado em novembro deste ano.

Outros eventos de importância nacional e mundial já foram realizados em João Pessoa como uma etapa do Circuito Mundial, uma do Sul Americano, 25 edições do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia (é a única cidade do país a realizar todas as edições desde 1991), várias etapas do circuito nacional sub 19, sub 21 e sub 23, além de desafios inter estaduais.

Vencedores da areia

A Federação Paraibana de Voleibol através do Departamento de Vôlei de Praia desenvolve desde 2003 o projeto “Novos Talentos” onde atleta se projetaram em nível nacional e mundial.

A Paraíba desponta com vários atletas conquistando posições de destaque a exemplo de Nayara e Bruna (vice-campeãs brasileiras sub-21 em 2003 e 2005). Outros jovens talentos são Keila Germóglio (terceiro lugar no brasileiro sub 21 de 2008 e nona colocada no Mundial das Bermudas em 2006), Pedro Marques (campeão brasileiro sub-19 em 2005 e sub-21 em 2007, medalha de prata no sul americano da Colômbia e nono lugar nos Campeonatos Mundiais da França e Itália), Icaro e Klaus (campeões brasileiros sub-19 em 2006).

Fabi é outra atleta de sucesso. Ela obteve a medalha de bronze também no mundial sub-21 na Inglaterra. Já Renan/Luizão foi a dupla campeã brasileira sub-19 em 2012) e Renata/Yasmin (campeãs brasileira sub 19 em 2013). A atleta Jô Gomes (campeão brasileiro sub 23 em 2013), George Wanderley / Pedro Santos (campeões brasileiros sub 19 em 2014).

Álvaro Filho e Vitor Felipe são os melhores paraibanos na atualidade pois são atletas jovens e tem uma bagagem internacional excepcional. Representaram o Brasil e ficaram com a medalha de prata nos Jogos Pan Americanos de Toronto/ Canadá.

Confira mais dessa reportagem na edição especial do Jornal Correio da Paraíba desta quarta-feira.

Relacionadas