segunda, 19 de fevereiro de 2018
Vôlei de Praia
Compartilhar:

João Pessoa recebe a segunda etapa do Brasileiro Sub-19

Da Redação / 13 de Maio de 2016
Foto: Renan Rodrigues/CBV

Após ter sediado o Superpraia, com as quatro duplas olímpicas disputando as finais, João Pessoa (PB) seguirá como ‘capital’ do vôlei de praia nas próximas semanas. A Praia da Tambaú será o palco da segunda etapa do Circuito Banco do Brasil Sub-19, que ocorre de sexta-feira (13.05) a domingo (15.05), com entrada franca à torcida na altura da Avenida Epitácio Pessoa. Na sequência também serão realizados o Circuito Banco do Brasil Sub-23 e o Challenger.

O Circuito Sub-19 é composto por três etapas em diferentes cidades. A primeira foi realizada em Saquarema (RJ), no Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em abril. Após João Pessoa, a competição se encerra em Manaus (AM), de 28 a 30 de outubro. São 16 duplas em cada naipe, sendo que 12 se classificam pelo ranking e outras quatro pelo torneio qualificatório.

O primeiro dia de competições, na sexta-feira, é válido pelo qualificatório. Serão 10 times no feminino e outros 14 no masculino disputando as últimas quatro vagas na fase principal do torneio, em jogos eliminatórios diretos. No segundo dia são realizados jogos da fase de grupos e quartas de final. O domingo fica reservado para semifinais e disputas por medalhas.

As 12 duplas garantidas pelo ranking no torneio masculino são Neto/Humberto (SE), Rafael/Renato (PB), Bruno/Neto (MG), Natã/Lucca (RS), Alison/Ayron (PI), João Vitor/Joshua (SC), Lipe/Patrick (PR), Antônio/Pedro (RN), Matheus Santos/David Pedreira (ES), Joanderson/Ícaro Passos (BA), William Bruno/Gabriel Candido (RJ) e Ryan/Kéo (MA).

No naipe feminino estão garantidas pelo ranking as duplas Carol/Fran (SE), Anna/Gabryella (MG), Ana Raquel/Nathalia (PB), Mariana/Gabriela (RS), Amanda/Monique (PR), Mica/Lola (SC), Kyce/Milena (RN), Milena/Gabi (ES), Carol/Emelly (PE), Vitoria/Giovanna (RJ), Rafa/Anna (BA) e Talita/Amanda (CE).

O Sub-19 é um campeonato de seleções estaduais, com duplas formada pela mesma federação. Ele mantém o formato das últimas duas temporadas, com cada estado indicando suas delegações nos dois gêneros em busca do título. Além dos atletas, que podem ser alterados a cada etapa, as federações elegem um técnico.

Os pontos obtidos vãos para o estado e o campeão geral é determinado ao final das três etapas. O atual modelo foi criado em 2013 visando identificar novos talentos nas areias, num trabalho de renovação. E, a partir daí, analisar quais são os polos que precisam receber um incentivo maior para se desenvolverem e serem trabalhados de forma mais direcionada.

Após o Circuito BB Sub-19 será realizada a primeira etapa do Circuito Sub-23, também em João Pessoa, de terça (17.05) a quinta-feira (19.05). Um dia depois, na sexta-feira (20.05), começa a primeira etapa do Challenger, torneio da categoria adulta, disputado pelas duplas brasileiras que não estão nas etapas do Circuito Mundial 2016.

Relacionadas