Acesso

Futebol
Compartilhar:

Botafogo Feminino intensifica treinos para nova disputa no Brasileiro

Raniery Soares / 30 de agosto de 2015
Foto: Nalva Figueiredo
Que o futebol deixou de ser um esporte exclusivamente feminino muita gente já sabe, porém na Paraíba o tradicional Botafogo, aquele mesmo da camisa alvinegra, terá mais uma vez em campo o brilho e o charme das chamadas ‘Belas do Belo’. Comandadas pela técnica Gleide Costa, as meninas estão em ritmo de preparação para o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, que começará no dia 9 de setembro.

Único representante da Paraíba na competição nacional, o Alvinegro da Estrela Vermelha ficou no Grupo 4, ao lado do Vitória (PE), Caucaia (CE), Viana (MA) e Sociedade Esportiva Tiradentes (PI), clube que o Botafogo fará a sua estreia no torneio, tendo como palco o estádio da Graça, que será utilizado para os quatro jogos do time nesta primeira fase.

Gleide garante que está otimista com esta nova oportunidade de representar a Paraíba no Campeonato Brasileiro e adianta que o objetivo é se não o título, desenvolver uma boa campanha para continuar entre os 20 melhores clubes do futebol feminino nacional.

“Estamos muito otimistas para o Brasileiro. Vamos misturar algumas jogadoras mais experientes e outras mais novas, mas que estão com muita garra e querem dar o melhor de si. Tenho acreditado que este misto de atletas e gerações dará certo, sem impedir que nós tenhamos uma boa participação no campeonato, continuando bem classificadas tanto no ranking nacional, como também na própria competição”, disse.

Paralelamente, a comissão técnica das Belas do Belo está formando um time sub-20, após captar algumas atletas em uma seletiva. Nesta equipe de base, o comando está sendo do técnico Maximiano Farias, o Manuca.

Investimentos a médio prazo

ubes do futebol brasileiro, inclusive o próprio Botafogo (com o seu elenco masculino), a comissão técnica do time feminino já vê além das competições que estão em vista. Segundo Gleide, a proposta apresentada à diretoria do Belo é para um projeto considerado de médio prazo, visando consolidar uma base para as próximas competições femininas do país.

“Em algumas oportunidades, os times eram formados pouco tempo antes apenas para que a competição pudesse ter um representante, mas agora a nossa proposta é bem diferente. Estamos desenvolvendo um trabalho que envolve jogadoras que já são profissionais e garotas que estão se iniciando no futebol feminino, de onde com certeza sairão gratas revelações para o esporte”, disse.

Neste novo momento que as Belas do Belo estão vivendo, um dos destaques é a jogadora Claudinha, de 19 anos. Outras atletas foram descobertas em uma seletiva realizada este mês no CT da Maravilha do Contorno, em João Pessoa. Ao todo, a comissão técnica selecionou os 15 nomes que mais se destacaram na atividade, para integrarem principalmente o elenco sub-20 do clube.

“O que nós fizemos durante a seletiva foram atividades voltadas principalmente para fundamentos. O nosso intuito era avaliar as jogadoras de uma forma individualizada, já sabendo onde e de que forma podemos explorar as potencialidades de cada uma. Todo o trabalho está apenas no início e acredito que conseguiremos construir um bom trabalho nesta oportunidade”, afirmou.

Leia mais no jornal Correio da Paraíba

Relacionadas