sexta, 25 de maio de 2018
Campeonato Paraibano
Compartilhar:

Rodrigão pode ter o pior desempenho da artilharia do Paraibano

Franco Ferreira / 29 de Maio de 2016
Foto: Antônio Ronaldo
O Campeonato Paraibano de 2016 será encerrado no dia 15 do próximo mês, com o jogo de ida no próximo dia 1º. Mas, a fase final não terá a presença do principal artilheiro Rodrigão, autor de nove gols, com a camisa do Campinense. O jogador que se transferiu para o Santos-SP, caso seja goleador estadual, terá o pior aproveitamento entre os artilheiros paraibanos nos últimos 20 anos.

Com a saída de Rodrigão, a briga pelo topo da artilharia do Paraibano continua, já que Müller Fernandes, do Botafogo e Adalgiso Pit Bull, do Campinense, ambos com seis gols marcados, faltando duas partidas para a conclusão da competição estadual.

Os atacantes Manu, do Sousa e Buiú, do Auto Esporte marcaram sete gols, mas eles estão sem chance na concorrência, pois seus times não avançaram na competição.

“Graças a Deus fico feliz por marcar e contribuir na campanha do Campinense, que está na final do Campeonato Paraibano”, disse Rodrigão depois de ter marcado o nono gol e último com a camisa do Campinense, pois ele agora vai defender o Santos-SP.

O jogador Rodrigo Gomes dos Santos nasceu no dia 13 de Outubro de 1993) na cidade de Belmonte, interior da Bahia. Antes de jogar pelo Campinense, Rodrigão defendeu Democrata-GV em 2013, no Campeonato Mineiro Módulo II. Ele ainda jogou pelo Boa Esporte-MG, no primeiro semestre de 2015. Em junho do ano passado, Rodrigão chegou ao Campinense para as disputas do Campeonato Brasileiro da Série D. Além de ser artilherio do time rubro-negro do Paraíbano com nove gols, Rodrigão ainda marcou nove gols com a camisa da Raposa na Copa do Nordeste.

Relacionadas