quarta, 19 de setembro de 2018
Esportes
Compartilhar:

De virada, Campinense bate o Globo-RN

Wênia Bandeira / 24 de julho de 2016
Foto: Junot Lacet Filho/Campinense
O Campinense demorou a encontrar o caminho da vitória dentro de campo diante do Globo/RN. Foi só nos últimos 13 minutos de jogo que a equipe conseguiu fazer o torcedor vibrar nas arquibancadas e tirar das costas o peso da derrota dentro de casa. O jogo terminou 2 a 1, de virada, e com um jogador a mais para o rubro negro.

A partida começou travada no meio de campo, sem grandes chances para ambos os lados. Com um bonito gol, aos 26 minutos, o atacante Romarinho colocou o time potiguar na frente quando pegou a bola próximo à grande área, vou o goleiro Gledson adiantado e arriscou de fora da área, jogando a bola no ângulo direito.

Apenas dez minutos depois, o lateral Tiago recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com a expulsão, a equipe do Globo se retrai e o Campinense não consegue avançar para o ataque.

Aos 30 minutos, Magno toca em profundidade para Alex Sandro. Ele tenta o drible em Luisão, mas é tocado e cai dentro da área. Alex Sandro cobra o pênalti no lado direito e empata. Já nos acréscimos, aos 46 minutos, Alex Sandro toca para Danilo, que chuta na saída do goleiro Rafael, virando o placar.

Após o apito final, o técnico do Campinense, Paulo Moroni disse que o time teve volume de jogo, mas que não soube aproveitar. “A gente dispersou a primeira parte, acabamos entrando no jogo deles, e na segunda parte conseguimos aproveitar um pouco mais. O importante é que conseguir sair de uma situação adversa e conseguir o resultado, era uma vantagem que estava muito grande para eles e nós conseguimos recuperar”.

Já o técnico do Globo, Luizinho Lopes, saiu reclamando da atuação da arbitragem e achou ter havido exagero nas marcações. “Erram demais. Eu sei que eles erram como a gente erra é normal, faz parte”.

Com o resultado, o rubro-negro pode perder por até um gol de diferença para se classificar para a próxima fase da Série D do Campeonato Brasileiro. O próximo jogo será domingo, em Ceará-Mirim, interior do Rio Grande do Norte.

Relacionadas