quinta, 19 de outubro de 2017
Economia
Compartilhar:

Norma da Agência Nacional de Transporte pode deixar van de turismo no meio da estrada

Érico Fabres / 14 de agosto de 2015
Foto: Assuero Lima
A Agência Nacional de Transporte Terrestre fechou o cerco às vans de turismo ao publicar a Resolução 4777, que entrou em vigor dia 8 de agosto. A Resolução dispõe sobre novas normas para transporte de passageiros em regime de fretamento, com taxas que fazem com que as microempresas tenham que gastar como empresas nos moldes das concessionárias de ônibus interestaduais.

Além disso, listas com nomes de passageiros deverão ser enviadas com antecedência à agência e as viagens não poderão ultrapassar um percurso total de 540 quilômetros, entre outras normas. Com isso, quem ainda não fez a regularização e oferece o serviço atua de forma clandestina, podendo ter o veículo apreendido e os turistas correndo risco de ficar na estrada.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Guias de Turismo do estado da Paraíba (Singtur/PB), Genilton Elves, se a resolução não for alterada, a única alternativa das microempresas que possuem vans será montar uma cooperativa ou o serviço deixará de existir.

Genilton Elves ainda critica a decisão da ANTT já que, mesmo com as taxas equiparadas a grandes empresas de transporte de passageiros, existe uma limitação de quilometragem a ser rodada, não podendo ultrapassar 540 quilômetro (270 de ida e 270 de volta).

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba

Relacionadas