segunda, 19 de fevereiro de 2018
Economia
Compartilhar:

Greve dos bancários entra em mais uma semana

André Luiz Maia / 26 de setembro de 2016
Foto: Assuero Lima
Contas atrasadas, filas nos caixas eletrônicos, a maioria deles sem dinheiro disponível para saque. Greve dos bancários sempre é uma dor de cabeça para a população, ainda que as reivindicações sejam justas. Mas as notícias não são boas. De acordo com o Sindicato dos Bancários da Paraíba, não há perspectivas para o fim da paralisação das atividades dos profissionais em todo o Brasil.

Acontece nesta terça-feira (27), em São Paulo, uma reunião de avaliação dos organizadores do movimento grevista. “A perspectiva é que a paralisação continue, pois não há nenhum sinal de negociação com a Fenaban”, explica o presidente do Sindicatos dos Bancários da Paraíba, Marcelo Alves, a respeito do diálogo dos sindicatos com a Federação Nacional dos Bancos.

De acordo com a estimativa feita pela organização, a taxa de adesão é de mais de 90% dos funcionários sindicalizados. Dentre as principais reivindicações, estão o reajuste salarial de 14,78%, a reavaliação dos processos de demissão em massa que os bancos estavam promovendo com o propósito de enxugar a folha de pessoal e lutam por mais contratações, para conseguir oferecer um melhor atendimento aos usuários dos serviços bancários, uma reclamação recorrente da população.

Relacionadas