domingo, 19 de novembro de 2017
Teatro
Compartilhar:

‘Quebra-Quilos’, do Alfenim, volta aos palcos em curta temporada

Renata Escarião / 23 de março de 2016
Foto: Divulgação
Com patrocínio de manutenção da Petrobras, o Coletivo Alfenim reestréia, em curtíssima temporada, Quebra-Quilos. O espetáculo fica em cartaz amanhã, sexta e sábado, como aquecimento para a circulação no projeto Mostra Alfenim de Teatro, contemplado com o Prêmio Funarte Myriam Muniz (2014), que acontece entre março e maio nos estados de Piauí, Maranhão e Pará.

Nos dias 17, 18 e 19 de março, a Casa Amarela, sede do grupo, recebeu O Deus da Fortuna, espetáculo que estreou em 2011 e que em 2014 circulou por todo país pelo projeto Palco Giratório, do Sesc, ocasião em que ultrapassou sua centésima apresentação.

Esta semana é a vez de Quebra-Quilos, primeira montagem do coletivo em 2007. O espetáculo narra a história de duas mulheres que, em 1874, são expulsas do campo e procuram abrigo numa vila do sertão paraibano, em meio a rumores de que os quebra-quilos (sediciosos que lutam contra a implantação do sistema métrico decimal), preparam-se para invadir a feira da localidade e promover a revolta. Mãe e filha tornam-se vítimas da violência das autoridades locais contra os matutos revoltosos.

O alto teor de sugestão simbólica dos quebra-quilos põe a narrativa desses fatos ocorridos em fins do século XIX na ordem do dia. A insatisfação por conta do aumento excessivo dos impostos, a indignação em vista da manipulação da boa-fé do cidadão e, principalmente, a potencial violência que transforma os alijados do mundo produtivo em criminosos sociais, remetem às inúmeras manifestações que, desde junho de 2013 vêm sacudindo o país.

‘quebra-quilos’

Do Coletivo Alfenim

De amanhã a sábado, às 19h.

Na Casa Amarela (R. Amaro Coutinho, 146, Varadouro, João Pessoa).

Classificação: 14 anos

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba.

Relacionadas