terça, 12 de dezembro de 2017
Literatura
Compartilhar:

‘No Reino da Poesia Sertaneja’, de Leandro Gomes de Barros, ganha nova edição

André Luiz Maia / 03 de agosto de 2016
Foto: DIVULGAÇÃO
Figura importante para a difusão do cordel enquanto literatura no país, o paraibano Leandro Gomes de Barros é homenageado com o livro No Reino da Poesia Sertaneja, organizado pelo escritor Irani Medeiros. A terceira edição da publicação é lançada hoje e integra a nova coleção da Patmos Editora, chamada Nação Nordestina.

Na cerimônia de lançamento, o livro é apresentado pela professora Bernardina Freire, além de uma performance artística de Oliveira de Panelas. A publicação ainda conta com textos sobre Leandro Gomes de Barros escritos por Astier Basílio, João Martins de Ataíde, Arlindo Pereira de Almeida e Carlos Drummond de Andrade, que, de acordo com o editor da Patmos, Carlos Alberto Oliveira, chegou a considerá-lo o maior poeta de sua geração.

Leandro Gomes de Barros nasceu no sítio Melancia, em Pombal, sertão paraibano, em 1865. Foi o primeiro a escrever e editar histórias versadas em folhetos. “Ele não foi importante apenas na criação, mas tambem na distribuição do cordel. Ele criou uma espécie de rede em todo o Nordeste”, completa o organizador da compilação. Um dos métodos que utilizou para despertar o interesse dos leitores em suas histórias era o de publicar narrativas incompletas. “Muito antes das novelas, ele publicava as histórias sem um final, fazendo com que os leitores fossem atrás do volume seguinte para saber o desfecho”, relembrou Irani.

“No Reino da Poesia Sertaneja”

De Leandro Gomes de Barros

Editora: Patmos.

Lançamento hoje, às 19h. Na Sala Vladimir Carvalho (Usina Cultural Energisa: Av. Juarez Távora, 243, Torre, João Pessoa – 3221.6343 / 3221.4985 - http://www.usinaculturalenergisa.com.br).

Entrada franca

Relacionadas