segunda, 21 de maio de 2018

Edinho Magalhães
Compartilhar:

Reunião da ‘Desunião’ em Brasília

17 de Abril de 2018
Tanto se falou ‘da reunião das oposições em Brasília’, semana passada, que já se pensava numa foto reunindo na mesma mesa os senadores Cássio, Lira e Maranhão, os deputados Rômulo Gouveia, Pedro C Lima e Aguinaldo Ribeiro, os prefeitos de João Pessoa e de Campina, e seus vices Manoel Jr. e Enivaldo Ribeiro. Seriam pelo menos, o MDB, PSDB, PSD, PP, PSC e PV.

Mas as oposições não se uniram em Brasília. O resultado da reunião da semana passada, que teria oficializado o nome do irmão do prefeito de João Pessoa como pré-candidato a Governador, seria uma composição de forças apenas entre PSDB e PV, com apoio do PSD, onde 2 prefeitos, 2 senadores e 2 deputados federais deixaram, todos, de optar por si mesmos em favor de um outsider. Ou seja: nem Cássio, nem Lira, nem Romero, nem Luciano, nem Romulo e nem Pedro! Todos acharam que, melhor do que eles é o irmão do Prefeito!

Além disso, o grupo teria deixado de lado o MDB que tem pré-candidato anunciado e o PP, que esperava ser chamado e, agora, já fala em ter candidato próprio... ou candidata.

Resumo: semana passada houve a ‘desunião’ das oposições em Brasília. O Governo adorou!

Pelo menos neste primeiro momento. A continuar assim e aumentando o número de candidatos (já se fala no nome da Vice Governadora, também), João Azevedo estaria praticamente certo no segundo turno. A pouco mais de três meses para início das campanhas, a bancada federal vai se dividindo e o desenho da eleição vai indo de polarização à proliferação de candidaturas.

Que assim seja, então, e que o melhorse eleja. Mas depois dos nomes postos, o eleitor precisará conhecer os projetos de cada um. Como cada um irá trabalhar pra fazer a Paraíba melhorar!?

O nome dela é Daniela!


Quem também esteve em Brasília semana passada foi a deputada Daniela Ribeiro. Alheia às reuniões das oposições, em meio a tantas especulações, ela também teve seu nome lembrado para o Governo do Estado. Diferente de ‘outsiders’ paraibanos, seu nome desponta com credibilidade justamente pelo histórico político.




Aguinaldo Presidente


O líder do Governo, Aguinaldo Ribeiro é apontado como favorito para a presidência da Câmara Federal ano que vem. A aposta veio pela Folha de S Paulo, edição de sábado: “No cenário do PP ter a indicação para a presidência da Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PB) seria o favorito”.




Solidários no Partido 1


Com a ida do deputado Benjamin Maranhão ao MDB, o Solidariedade passará a ter comandado duplo na Paraíba. A costura inédita foi proposta pelo presidente nacional da sigla, deputado Paulinho da Força, por intermédio do vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Jr., em Brasília.




Solidários no Partido 2


O acordo selado ficou assim: De Campina‘pra trás’ ficou com o deputado Bruno C. Lima, que deve se candidatar à Câmara Federal. Na região metropolitana da Grande João Pessoa, o vereador João Almeida, que pretende uma vaga na Assembleia, tocará o partido.




Representação no Senado


Por falar em Manoel Jr., o vice da capital teve seu nome lembrado nas reuniões em Brasília para o Senado. Com as indefinições de nomes para o Governo, o Senado, com duas vagas, passou a ser a preferência de muitos candidatos. Porém, até aqui, todos de Campina Grande ou do sertão.




Efraim e o Fim do Foro


A cobrança pública que o deputado Efraim Filho fez, ao presidente da Câmara e colega do DEM Rodrigo Maia, para “não deixar o foro privilegiado cair no esquecimento”, causou repercussão positiva. Corre-se o risco do STF agir antes do Congresso e aprovar a matéria.


 

Relacionadas