segunda, 11 de dezembro de 2017

Edinho Magalhães
Compartilhar:

Os Federais do PMDB & 2018

03 de dezembro de 2017
Em 2014 a Paraíba elegeu a sua mais heterogênea bancada federal para a Câmara dos Deputados. Dos 12 eleitos, 9 eram de partidos diferentes. O PMDB foi o único a eleger mais de um representante: Hugo Motta, Veneziano e Manoel Jr. A força da legenda manteve o trio por quase toda a legislatura, mesmo com a substituição de Manoel Jr. por André Amaral Filho.

Agora, chegando ao final do mandato, parece que o partido já não agrada mais tanto assim. Pelo menos é o que se observa no cenário político às vésperas de ano eleitoral. O pai de André Amaral acaba de assumir a presidência do PROS e seria natural ver a migração de “Andrezinho” para a nova legenda que deverá ser expandida em dezenas de diretórios.

Veneziano já não comunga da pauta nacional do partido há algum tempo. É um ponto fora da curva nas votações em plenário da Câmara e vem sendo cortejado por diversos partidos, em especial pelo DEM de Efraim Filho e Rodrigo Maia. Dizem que sua saída é iminente.

A se concretizar essas previsões, restará Hugo Motta como único deputado federal do PMDB da Paraíba. Eu disse “restará”? Há quem se antecipe e amplie a previsão pedindo a Hugo que “apague a luz... antes de sair”. Coisas da política. Coisas do Brasil. 2018 já chegou.

Visita no Senado

 O Senador José Maranhão recebeu o empresário Felipe Gaudêncio, que concorreu a vice-prefeito de Campina na chapa de Veneziano, em 2016, no cafezinho da Casa. Diante do entusiasmo do jovem Gaudêncio em torno da candidatura do veterano Maranhão ao Governo, arrematou: “não adianta ser um grande gestor sem ter uma grande equipe de trabalho”.

Pegou Mal

O advogado Walter Agra Júnior esteve em evidência da mídia nacional semana passada. Não necessariamente por méritos, mas por polêmica. Atribuíram ao paraibano que é Procurador-Chefe do Cade, a idéia de se realizar uma alteração no regimento da autarquia para que se permitisse a indicação de “qualquer advogado para as coordenações do órgão”.

Pegou Mal 2

A coluna ‘painel’ da Folha de S. Paulo foi além e especificou que o passo seguinte à mudança seria a nomeação do filho de seu sócio, em escritório de advocacia, para o posto. Ante a reação da AGU, Agra teria recuado e mantido a exclusividade privativa aos procuradores de carreira.

Ordem do Dia

Está marcada para a Ordem do Dia desta terça a votação da PEC 29/17, de autoria do senador Raimundo Lira, que aumenta em 1% o valor da receita tributária para os municípios.

Prestígio

A posse do deputado Efraim Filho, última quarta, como novo presidente da Frente Parlamentar Mista (Câmara e Senado) do “Comércio, Serviços e Empreendedorismo” contou com as presenças dos presidentes Temer e Rodrigo Maia.

RenovaBio

O líder do Democratas, aliás, comemorou a aprovação do PL 9086/17, semana passada, que incentiva a produção e uso alternativo de combustíveis, como novo marco legal do setor, que deverá gerar oportunidade para 1,5 milhões de novos empregos.

Wilson & Ministro

O ministro convidado da semana para audiência pública na Comissão de Fiscalização e Controle, presidida pelo deputado Wilson Filho, será Ricardo Barros, da Saúde. Será na quarta, às 9h com participação on line pelo link: https://edemocracia.camara.leg.br/audiencias/sala/603.

ParlaSul

Wilson Filho, aliás, desde a última quarta-feira, é o mais novo membro do Parlamento do Mercosul, grupo internacional de parlamentares que atuam pelos países que formam o bloco. Desde já iria pedir apoio à PEC 19/11, que cria a Zona Franca do Semiárido.

Relacionadas