terça, 17 de julho de 2018

Pessoa Júnior
Compartilhar:

Mais tranquilo

23 de maio de 2018
O Botafogo está respirando um novo ar. A vitória sobre o Santa Cruz, em Recife, era tudo que o time comandado pelo técnico Leston Júnior precisava para ganhar força e se sentir mais confiante na corrida por uma vaga na Série B. O percurso é difícil, todo mundo sabe, mas não existe nada de impossível quando o trabalho está associado à qualidade e o interesse comum é verdadeiro.

Antes da partida contra o Santa, numa roda de torcedores lá no Picuí Praia, falei que em momentos difíceis o Botafogo quase sempre coloca em prática o seu poder de superação e, como tinha vencido o Bahia em Salvador, na abertura da Copa do Nordeste, também poderia vencer o Santa Cruz, em Recife. Alguns concordaram outros não, mas acertei em cheio, com base na confiança que sempre demonstra o presidente do Conselho Deliberativo, Nelson Lira.

Foi uma vitória mais do que importante. Além de ter voltado ao G-4, o Botafogo ganhou mais confiança para outra parada difícil, sábado, contra o Atlético-AC, na casa do adversário, que é o segundo colocado do Grupo A e se apresenta como a grande surpresa da Série C. O Botafogo pode vencer lá? Claro que sim. Basta mostrar garra, determinação e apresentar um futebol de qualidade.

Melhorou sim, o ambiente no Botafogo. Leston Júnior parece mais tranquilo e sem alarde a diretoria continua concentrando esforços para manter todos os compromissos em dia e motivar cada vez mais o time nessa caminhada rumo a Série B. Se o objetivo maior não for alcançado, pelo menos a presença na Série C de 2019 sem agonia, é de bom tamanho. Tudo no tempo certo.

Luta olímpica

No Lar Fabiano de Cristo, em Bayeux. existe um trabalho muito bom que tem a frente o professor Renato Fonseca e o atleta Alisson Bruno. A modalidade é luta olímpica com importantes resultados em nível nacional. São 21 atletas em atividade precisando de patrocinadores.

+POSITIVO

O técnico do Campinense, Ruy Scarpino, está satisfeito com a campanha do Campinense na Série D do Brasileiro. No jogo de domingo passado a Raposa venceu o lanterna da competição, o Murici, por 1x0, mas não agradou a torcida que esperava mais futebol. É bom lembrar que o Campinense é líder do Grupo A8 com 15 pontos e domingo pega o Fluminense-BA que tem 12 pontos.

-NEGATIVO

Quando é que a Paraíba vai ter um político dedicado as causas do esporte? Difícil de acreditar que um dia apareça alguém com essa dedicação por todas as modalidades. Até parece que no segmento esportivo não tem voto. Como não existe aquele interesse significativo pelo esporte, seria bom que técnicos, atletas, professores e dirigentes só votassem nas próximas eleições em quem acredita no esporte.

Voleibol

A seleção paraibana de volei, na categoria masculino sub-19, estreia hoje no Brasileiro da Divisão, contra Minas Gerais, às 18h. A competição acontece em São Sebastião do Paraíso-MG. O elenco comandado pelo professor Jorge Carvalho tem como meta se manter na elite do volei.

NO FOCO

A diretoria da Apcef-PB está presente e apoiando os Jogos dos Aposentados da CEF que estão acontecendo em Campo Grande. O presidente Carlos Espínola lembra que no futebol o time paraibano foi campeão no ano passado e briga pelo bi.

No Centro de Treinamento Ivan Tomaz, quem trabalha com muito profissionalismo a frente do Programa Esportivo Educacional (Pese) é o professor Magno Cerqueira, ex-craque do Botafogo na década de 80. Conta com o apoio da Prefeitura de João Pessoa, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer).

Relacionadas