terça, 25 de setembro de 2018

Sony Lacerda
Compartilhar:

Entre Pedro, Efraim e Benjamin

17 de fevereiro de 2018
O prefeito de Patos, Dinaldinho Wanderley (PSDB), já tem um candidato a deputado estadual. Trata-se do seu irmão, o empresário Gustavo Wanderley, que está montando a equipe de assessores e já conta com apoios de lideranças políticas de municípios dos Vales do Piancó e das Espinharas. Interessante é que, em alguns municípios, Gustavo Wanderley fará dobradinha com o adversário e parente, Hugo Motta (MDB), que é deputado federal e disputará a reeleição.

Mas em Patos, Gustavo não fará dobradinha com Hugo, que marchará com o pai, o deputado estadual Nabor Wanderley. O grupo do prefeito Dinaldinho ainda não decidiu quem vai apoiar para deputado federal.

O prefeito disse ontem, na redação do Correio, que está em conversando com três deputados federais que vão disputar a reeleição. A escolha recairá entre Pedro Cunha Lima (PSDB), em que o grupo do prefeito votou nas eleições passadas, Benjamin Maranhão (Solidariedade) e Efraim Filho (Democratas).

Dos três, Efraim Filho é o que mais afinidade tem com a cidade de Patos, embora a tendência do eleitorado seja votar, em sua grande maioria, no deputado Hugo Motta. Efraim leva vantagem (no apoio do grupo do prefeito) pelo fato de ter sua base eleitoral em Santa Luzia, a 40 quilômetros da Patos.

As duas cidades são muito próximas. Benjamin Maranhão não tem identidade nenhuma com Patos e um possível apoio de Dinaldinho ao mesmo só reforçaria a candidatura de Hugo. Pedro Cunha Lima, apesar da pouca identidade com Patos, leva vantagem em relação a Benjamin Maranhão.

Relacionadas