segunda, 11 de dezembro de 2017

Sony Lacerda
Compartilhar:

Como São Francisco

24 de novembro de 2017
Seguidor de São Francisco de Assis, o deputado estadual Frei Anastácio (PT) não poderia ter feito diferente. É dele a autoria da Lei Estadual número 11.024, de 16 de novembro de 2017, que criou o Dia Estadual dos Protetores de Animais. Assim como São Francisco, o franciscano Frei Anastácio se denomina defensor dos animais. Segundo ele, a data será comemorada, anualmente, exatamente no dia 4 de outubro, dedicado ao santo protetor dos animais, que a tudo e a todos chamava de irmão.

Segundo ele, a maior dificuldade encontrada pelos protetores dos animais é a falta de apoio, associada à cultura da indiferença do Poder Público. “Para cuidar de um animal que vive em situação de abandono e risco é necessário, além de boa vontade e amor, espaço físico, tempo, recurso financeiro, entre outras atribuições. São os protetores, individualmente ou em grupos que se sensibilizam com a situação dos animais abandonados, ou vítimas da violência e da omissão do poder público e da população”, destacou o parlamentar petista.

O deputado disse, ainda, que os protetores de animais se responsabilizam também por retirá-los das ruas e conseguir lares temporários, até que alguma família resolva realizar uma adoção responsável. “E tudo isso, sem nenhum interesse econômico. Essa Lei é uma homenagem a todos que também dedicam tempo precioso de suas vidas na luta contra maus-tratos e abandono. É uma data que servirá, especialmente, para homenagear as pessoas que amam os animais e, ao mesmo tempo, alertar a sociedade sobre toda essa problemática da atualidade”, disse.

Relações institucionais

O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Marcos Vinícius (PSDB) recebeu, ontem à tarde, o chefe de Gabinete do governador Ricardo Coutinho (PSB), jornalista Nonato Bandeira (PPS). Os dois trataram das relações institucionais entre Câmara da Capital e o Governo da Paraíba.

Assuntos

“Não há como não enxergar que, pelo fato de ser a Câmara da Capital, o Legislativo pessoense acaba sempre tratando de assuntos que dizem respeito ao Governo”, disse o presidente da CMJP.

Vocação

Neste sentido, segundo Marcos, a visita do chefe de gabinete é mais uma prova da vocação democrática e imparcial “que adotamos na Casa”.

Meninos de...

O projeto “Meninos de Santa Teresinha”, idealizado pelo servidor Humberto Morais, do TJ, receberá a doação de 59 pares de tênis. A doação é do jogador Hulk, a pedido da Associação das Esposas dos Magistrados.

... Santa Terezinha

Segundo a presidente da Associação, a entrega será amanhã, no Ginásio Santa Terezinha. Presidente e vice do TJ, Joás de Brito e João Benedito estarão lá.

Bloqueadores de celular

A Câmara de João Pessoa (CMJP) aprovou projeto de autoria do vereador Eduardo Carneiro (PRTB) que obriga empresas organizadoras de concurso a instalarem bloqueadores de sinal de telefonia celular nos locais de prova dos certames promovidos pela administração municipal.

Disputa igual

De acordo com Eduardo Carneiro, a propositura tem por objetivo garantir a lisura dos processos de seleção, possibilitando uma disputa igualitária. Na mesma sessão, o plenário aprovou outros cinco projetos do parlamentar.

Segurança

Eduardo disse ainda que a instalação dos bloqueadores dará mais segurança aos candidatos e inibirá possibilidade de fraudes nas seleções.

Olenka dispara

A secretária do Trabalho de João Pessoa, Olenka Maranhão (PMDB) defendeu ontem a candidatura do senador José Maranhão ao governo. Ela disse que é secretária, mas não tem mandato de secretária.

O que vem por aí?

Pré-candidato à reeleição, o deputado estadual Ricardo Marcelo (PMDB) rasgou elogios, ontem, ao governador Ricardo Coutinho (PSB).

Colaboração de Adelson Barbosa dos Santos

Relacionadas