segunda, 11 de dezembro de 2017
Cinema
Compartilhar:

‘A Bela da Tarde’ completa 50 anos e volta aos cinemas ainda este mês

Renato Félix / 06 de dezembro de 2017
Foto: DIVULGAÇÃO
O primeiro encontro entre Catherine Deneuve e Luís Buñuel completa 50 anos este ano e foi inesquecível. Resultou em A Bela da Tarde (1967), uma obra-prima que combinou erotismo e delírio com Deneuve como a dona de casa que passa as tarde como prostituta em um bordel. O filme re-estreou nos cinemas brasileiros e entra em cartaz ainda este mês no Cine Banguê, em João Pessoa.

Sua Séverine alterna entre a realidade e a fantasia – e a fantasia sempre foi uma área fértil para o espanhol Buñuel. Nos anos 1920, ele havia participado de projetos surrealistas em Paris. Ele havia conhecido Salvador Dalí ainda na escola, em Madrid, em 1917, e juntos criariam os curtas Um Cão Andaluz e A Idade do Ouro, em 1929, subvertendo a narrativa cinematográfica.

A Bela da Tarde não é tão radical. Segue uma base realista, em que Séverine escapa de sua vida burguesa e da frigidez trabalhando como prostituta todas as tardes em um bordel chique, abrindo espaço para o delírio: a personagem de Deneuve tem fantasias eróticas para aplacar seus desejos. Realidade e fantasia vão se confundindo a um ponto em que, talvez, seja impossível desentrelaçá-las.

Duas cenas em especial inspiram discussões até hoje. Uma é o final ambíguo. Outra é a sequência em que Séverine aceita como cliente um oriental corpulento que abre uma caixinha cujo conteúdo horroriza as outras moças do bordel – mas não Séverine. O que haveria na caixinha?

Nem o próprio Buñuel era capaz de responder a essas questões. Ele preferia deixar por conta da imaginação da plateia – criou as cenas assim para isso. "Eu não posso afirmar o que é real e o que imaginário no filme. Para mim, formam a mesma coisa", disse ele, em entrevistas.

Buñuel e Deneuve voltariam a trabalhar juntos em 1970, em Tristana – Uma Paixão Mórbida, mais uma história que busca o terremoto erótico por baixo da lourice altiva de Deneuve.

Leia Mais

Relacionadas