terça, 20 de fevereiro de 2018
Violência
Compartilhar:

Paraíba registra segundo assalto com reféns em menos de uma semana

Da redação / 05 de Maio de 2016
Foto: Divulgação
Um assalto a uma agência bancária nesta quarta-feira (4) acabou com um grupo de pessoas reféns na cidade de Umbuzeiro, agreste da Paraíba. Este já é o segundo caso de roubo que acaba com reféns em um intervalo de uma semana. Na última quarta-feira (27), três assaltantes fizeram 14 reféns em um assalto a uma agência dos Correios no bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa.

No crime desta quarta-feira, os suspeitos fizeram os reféns de escudo humano para conseguir explodir o cofre do banco. Apesar do susto, ninguém ficou ferido. Na ação, a sede da Polícia Militar da cidade foi atingida por tiros. Essa não é a primeira vez que o banco é alvo de criminosos.

O crime aconteceu por volta das 23h30. Segundo o sargento Everaldo Vieira, do Destacamento da Polícia Militar, cerca de 20 homens encapuzados e armados com fuzis e pistolas fecharam as três entradas da cidade e iniciaram o assalto.

Já no assalto à agência dos Correios de Cruz das Armas, a negociação durou três horas. Os três assaltantes fizeram 14 pessoas de reféns, entre funcionários e clientes da agência. Os bandidos foram presos e vão responder por crime contra o patrimônio, porém o comandante do Policiamento Regional Metropolitano, coronel Lívio Delgado, afirmou que mais homens deviam estar no local e fugiram quando viram a ação da polícia.

A ação começou quando policiais da patrulha do bairro avistaram um homem com uma arma em frente agência e acionaram reforços. “O homem entrou na agência quando viu a viatura. Os outros dois já estava dentro. Ele chegou a subtrair a arma de um dos seguranças”, disse.  O prédio foi cercado por policiais militares e federais além de agentes do Grupo de Ações Táticas Especiais da PM (Gate) e os dois sentidos da avenida foram bloqueados.

Relacionadas