terça, 12 de dezembro de 2017
Violência
Compartilhar:

Cabo é o 6º Policial Militar morto em 2015 e cúpula da segurança admite preocupação

Maurílio Júnior / 19 de agosto de 2015
Foto: facebook
O cabo da Polícia Militar, Thayrone Nunes de Lucena, morto nessa terça-feira (18), foi o 6º policial assassinado este ano na Paraíba. Contudo, a PM não tem sido o único alvo dos criminosos. Também foram contabilizadas, em 2015, as mortes de dois agentes penitenciários, um policial civil e mais um da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Dos seis crimes contra militares, cinco foram registrados no horário de folga dos mesmos, fato que tem preocupado a cúpula da Segurança Pública.

O coronel Lívio Delgado, comandante do policiamento da Região Metropolitana de João Pessoa adiantou, em contato com a reportagem do site Jornal Correio da Paraíba, o objetivo de traçar novas recomendações para corporação.  “Estaremos nos reunindo com a tropa para uma avaliação, pois estes casos aconteceram em horários de folga, portanto, é importante que a instituição estabeleça uma orientação para todos”.

A reportagem também procurou o secretário de segurança pública do Estado, Cláudio Lima. Sobre o número de assassinatos contra policias na Paraíba, ele admitiu uma preocupação com o trabalho paralelo dos profissionais de segurança.

Infelizmente temos de separar o policial em serviço e o que estava fazendo outro trabalho de caráter particular. “Mas nos preocupamos muito com o geral, a vida, principalmente quando está em exercício da função que, no caso, aconteceu apenas na morte do sargento em Santa Rita, em junho”

Histórico de mortes

17/02 - O sargento Pedro Marques da Silva, de 52 anos, é assassinado na zona rural de Ibiara, Sertão da Paraíba.

20/02 - O sargento do Corpo de Bombeiros Antônio da Silva, de 48 anos, é assassinado a tiros no bairro do Centenário, em Campina Grande.

22/03 - O agente penitenciário, Ivonilton Wanderley Coriolano, é encontrado morto com mãos e pés amarrados no Rio Jaguaribe, em João Pessoa.

03/04 - O agente penitenciário aposentado, José Marcelino Mota do Nascimento, é morto a tiros quando estava em casa no bairro Treze de Maio, em João Pessoa.

06/06 - O cabo da PM, Ubirajara Moreira Dias, é morto com um tiro de espingarda calibre 12 durante assalto em Patos, Sertão.

09/06 - O sargento da PM, Josemberg da Silva, é morto em Santa Rita, no exercício da função.

04/08 - O coronel reformado da PM, de 57 anos, morre no Hospital de Trauma de João Pessoa, após sofrer atentando quando chegava em casa, em Bayeux.

18/08 - O cabo da PM, Thayrone Nunes de Lucena, é assassinado com cinco tiros enquanto prestava serviço de segurança particular.

 

Relacionadas