segunda, 16 de outubro de 2017
Cidades
Compartilhar:

Prazer, papai: Paraíba já teve mais de 7,4 mil paternidades reconhecidas por DNA desde 2011

Bruna Vieira / 09 de agosto de 2015
Desde 2011, 7.437 pessoas - crianças e adultos, conseguiram o reconhecimento de paternidade por meio do exame de DNA gratuito solicitado pela justiça e Núcleo de Paternidade do Ministério Público Estadual. Somente este ano já foram mais de 700 testes realizados na Paraíba.

Mais que um sobrenome no registro, o reconhecimento permite o convívio afetivo entre pessoas antes ligadas apenas pela genética. Além disso, ter o nome do pai no registro de nascimento ou no RG é o resgate de uma identidade plena de uma pessoa.

O laboratório de paternidade, onde os exames são realizados fica no Hemocentro de João Pessoa. Segundo a coordenadora, Crisemy Almeida, há duas vias para realizar o exame:  pela promotoria e pela justiça, através da Vara da Infância.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba

Relacionadas