domingo, 19 de novembro de 2017
Policial
Compartilhar:

Homem é preso suspeito de desviar R$ 2 milhões de resort na Paraíba

Da redação com assessoria / 05 de abril de 2016
Foto: Divulgação
Um homem de 47 anos foi preso nesta terça-feira (5), suspeito de praticar estelionato contra um resort de luxo no litoral Sul da Paraíba, do qual ele havia sido gerente financeiro. De acordo com a polícia, o prejuízo foi estimado em R$ 2 milhões. A prisão aconteceu na cidade de Cabedelo, e foi realizada por equipes da Delegacia do Conde, abrangida pela 6ª Delegacia Seccional de Polícia Civil, com sede em Alhandra.

Os policiais civis cumpriram mandado de prisão temporária e ainda um mandado de busca e apreensão na residência do suspeito, um apartamento duplex na praia de Intermares. A Polícia Civil também apreendeu um veículo do tipo Land Rover, de propriedade dele.

De acordo com o delegado Luiz Eduardo Montenegro, titular do inquérito, o ex-gerente financeiro do resort começou a praticar o crime em 2011. “Foi na época em que ele foi admitido e as fraudes se perpetuaram até o fim de 2015, quando aconteceu a demissão por justa causa. Depois de uma auditoria, constatou desvios e fraudes. Ele vai responder por estelionato e associação criminosa, que levaram ao prejuízo de mais de R$ 2 milhões. Isso foi devidamente comprovado pelo inquérito policial que será remetido à Comarca de Alhandra”, disse.

O delegado Hector Azevedo, que também está à frente das investigações, acrescentou que a notícia do crime chegou à delegacia por meio do hotel. “Apuramos que o suspeito, por meio de um fornecedor do próprio resort, fraudava notas fiscais para receber o dinheiro. Ele se utilizava do cargo que exercia para que as mercadorias fossem pagas, mas não recebidas. Outras duas pessoas ainda estão sendo investigadas, uma delas o próprio fornecedor desses produtos, que apesar de não se beneficiar com o recebimento dos valores, concorreu para o estelionato”, finalizou o delegado.

Relacionadas