Acesso

Policial
Compartilhar:

Arsenal de guerra: Polícia Militar apreende mais de 2,2 mil armas em sete meses na Paraíba

Maurílio Júnior / 14 de agosto de 2015
Foto: Secom-PB
Um verdadeiro arsenal de guerra já foi apreendido entre janeiro e julho deste ano, na Paraíba. Dados do Núcleo de Análise Criminal e Estatística da Secretaria de Estado da Segurança revelaram que 2.234 armas foram retiradas de circulação pela Polícia Militar do Estado, o que corresponde a 319 armas apreendidas por mês e 10 por dia. O levantamento mostra um aumento de 30% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram apreendidas 1.710 armas.

Do total de apreensões, 1.117 (50%) foram revólveres, 871 (39%) espingardas, 156 (7%) pistolas e 4% outros tipos de armas.

Depois de apreendidas, as armas de fogo são encaminhadas ao Instituto de Polícia Científica (IPC) para exames e remetidas ao Poder Judiciário, de onde seguem para o Exército Brasileiro, a fim de serem destruídas.

Para estimular os profissionais de segurança e incentivar o aumento das apreensões, o governador Ricardo Coutinho sancionou, em maio de 2012, a Lei 9.708/2012, garantindo aos policiais civis e militares uma bonificação por cada arma apreendida.

Mais de meia tonelada de drogas apreendidas

O número relativo a apreensão de drogas também impressiona. Já foram mais de meia tonelada (560 quilos) de janeiro a julho de 2015, quatro mil quilos a mais no comparativo com o mesmo período de 2014.

A maconha segue sendo a líder no ranking, com 453,5 Kg (80%) retirados das ruas, seguido do crack, com 55,7 Kg (9,8%) e a cocaína, com 51,5 Kg (9,2%).

Relacionadas