quinta, 26 de abril de 2018
Cidades
Compartilhar:

Paraíba deve ganhar novos abrigos para idosos em Mari, São Mamede e na Capital

Bruna Vieira / 27 de Março de 2016
Foto: Nalva Figueiredo
Os abrigos de idosos na Paraíba estão lotados e são mantidos por doações ou pelos próprios acolhidos. A Secretaria do Desenvolvimento Social do Estado informou que ainda este ano serão construídas uma unidade em Mari e outra em São Mamede. E haverá uma nova edição do Projeto Acolher – Não é só pela idade, é por mais dignidade, que ao todo investiu R$ 3 milhões para custeio, saúde, reforma, compra de equipamentos para as organizações filantrópicas. Nem todas as instituições de longa permanência para idosos atenderam às exigências dos editais.

Em 31 municípios, 23 Ilpis foram contempladas na primeira fase e 29 na segunda. Um exemplo é o Lar da Providência, onde o centro terapêutico recebeu piscina aquecida com elevador, para que os cadeirantes tenham acesso à água.

A Prefeitura de João Pessoa comprou uma casa no bairro do Cristo, que servirá de acolhimento temporário para idosos. “Está em licitação para que seja executado o projeto de readaptação para acessibilidade. Terá 17 vagas. É para atender idosos em risco de vulnerabilidade e abandonados pela família. Eles podem ficar até 60 dias no local e depois se não for possível retornar à família, ser encaminhado para outro lugar. A perspectiva é de inaugurar até o meio do ano”, revelou Expedito Carvalho, coordenador geral dos abrigos da Secretaria de Desenvolvimento Social.

Leia mais no jornal Correio da Paraíba

Relacionadas