domingo, 19 de novembro de 2017
Cidades
Compartilhar:

Mais de 40 mil fiéis participaram da 18ª Caminhada Penitencial em Campina Grande

Renata Fabrício / 14 de março de 2016
Foto: Arquivo
Milhares de fieis participaram da 18ª Caminhada Penitencial, organizada pela Catedral Diocesana de Nossa Senhora da Conceição, em Campina Grande. O percurso de 11 quilômetros começou logo após uma missa com o bispo Dom Delson, às 6h. A concentração aconteceu em frente à Catedral, no Centro de Campina, de onde os fiéis seguiram a pé até o Convento Ipuarana, em Lagoa Seca. O cortejo durou cerca de três horas, e a estimativa dos organizadores é que tenha atraído 40 mil fiéis.

Quem chegou atrasado para a missa, não conseguiu lugar para assistir a homilia, porque a Catedral estava lotada. No início do percurso, dom Delson enfatizou a importância da penitencia no período quaresmal, ressaltou que este é o ano da misericórdia e pediu para que cada um dos fieis fizesse uma real reflexão sobre os motivos que levaram cada um a participar daquele momento.

A caminhada retratou a via sacra de Jesus Cristo e os fieis acompanharam em oração as 15 estações que relembram desde a condenação de Cristo na via dolorosa, a queda e a desnudação do corpo de Jesus, a crucificação e ressurreição. Na 15ª estação foi feita a oração final que relembra as dificuldades que Jesus enfrentou até chegar ao calvário, e foi dada a benção pelo bispo.

“É uma grande demonstração da fé do povo de Deus, que nesse tempo de Quaresma a manifesta nesta caminhada penitencial rezando, louvando a Deus e demonstrando, sobretudo, o anseio profundo de mudança de vida e de conversão. A penitência tem esse sentido, de que queremos mudar de vida, sermos mais justos, mais fraternos e mais de acordo com o evangelho”, enfatizou.

Relacionadas