terça, 13 de novembro de 2018
Justiça
Compartilhar:

Poder Judiciário economiza energia e poupa mais de R$ 100 mil

Assessoria / 19 de julho de 2016
Foto: Divulgação
Em março de 2016, o Tribunal de Justiça da Paraíba implementou uma série de medidas – como o uso consciente de condicionadores de ar e a redistribuição de lâmpadas –  visando a redução do consumo de energia elétrica e a necessidade de uma gestão sustentável. Desde então, os gastos com energia elétrica passaram de R$ 639.178 para R$ 532.940 em todo o Poder Judiciário estadual.

É o que atesta um relatório divulgado nesta terça-feira (19) pelo Núcleo Socioambiental do TJPB, por meio da Comissão do Plano de Logística Sustentável. Segundo o documento, R$ 83.481 foram poupados no 1º Grau, e R$  22.102, no 2º Grau.

O servidor Adriano Buriti, um dos integrantes do Núcleo Socioambiental do TJPB, explicou que, ao comparar o mês de março de 2016 com o mês de junho, nota-se que o gasto com energia elétrica no TJPB foi 16,6% menor. “Ou seja, conseguimos uma redução de R$ 106.238”, acrescentou.

Já o servidor João Miranda, integrante da Comissão de Logística Sustentável do Tribunal, afirmou que este resultado é apenas o começo de um intenso trabalho a ser realizado de forma mais direcionada. “Outros estudos estão em andamento, com desdobramento de ações futuras, que apontam uma economia ainda maior com insumos e serviços até o final do ano”, assegurou.

Relacionadas