quarta, 26 de setembro de 2018
Justiça
Compartilhar:

Correio apoia campanha do MPPB:Emissoras do Sistema vão colaborar com a difusão da importância do voto consciente

Adriana Rodrigues / 23 de agosto de 2016
O Sistema Correio de Comunicação vai apoiar a campanha institucional do Ministério Público da Paraíba (MPPB) para difundir a importância do voto consciente e do combate à corrupção eleitoral nas eleições municipais deste ano.

O apoio à campanha, denominada ‘Não venda o seu voto. Vote certo. Vote limpo’, foi formalizado ontem, à tarde, pelo 2º subprocurador-geral de Justiça, Valberto Lira, em visita ao Sistema, onde se reuniu com o empresário Roberto Cavalcanti, e fez a entrega de um DVD contendo um vídeo institucional de 30 segundos, que será veiculado como serviço de utilidade pública na programação das TVs Correio e RCTV.

Valberto Lira afirmou que o MPPB deflagrou a campanha de conscientização para o pleito deste ano direcionada ao eleitor, por se tratar de eleições municipais, que tem um significado muito grande para população que vai eleger seus prefeitos e vereadores. “Nós procuramos, por meio deste vídeo institucional, passar uma mensagem educativa, lembrar as pessoas que o voto não pode ser vendido, não pode ser trocado, mas deve ser dado de forma consciente, porque é através do voto que podemos mudar essa situação que existe hoje no País. Sem o voto consciente nós não chegaremos a lugar nenhum”, declarou.

O subprocurador-geral destacou a importância da parceria do Sistema Correio de Comunicação. “O alcance que o Sistema Correio tem em toda a Paraíba faz com que esta mensagem seja levada a um maior número de pessoas e chegue a todos os recantos do Estado”, afirmou.

O empresário Roberto Cavalcanti, que também é diretor da Confederação Nacional da Indústria (CNI), destacou a importância da parceria com o MPPB para divulgação da campanha ‘Não venda o seu voto. Vote certo. Vote limpo’,  como forma de contribuir para conscientização do eleitor e nas ações de combate à corrupção.

"Nós aqui temos que dar as mãos a esta campanha, que é uma campanha de qualificação do voto. Porque quanto mais qualificado for o voto, mais consciente seja o eleitor, em boas mãos nós estaremos com nossos legisladores",  declarou o empresário Roberto Cavalcanti.

Justiça debate regras para o guia eleitoral

O guia eleitoral nas emissoras de rádio e televisão para eleições deste ano terá início na sexta-feira e o juiz José Ferreira Ramos Júnior, da 1ª Zona Eleitoral e responsável pela Propaganda Eleitoral de Mídia em João Pessoa, vai exigir o cumprimento da legislação eleitoral e coibir eventuais abusos. Para isso, ele se reúne hoje, às 9h, com candidatos, dirigentes partidários, coligações advogados, representantes de veículos de comunicação e profissionais de marketing que atuam na elaboração da campanha para tratar da veiculação da propaganda eleitoral gratuita no Rádio e na Televisão.

Durante a reunião, que será realizada na sala de sessões do TRE-PB, o juiz vai conversar com o participantes a respeito do que deve ser observado para produção e exibição dos programas do guia eleitoral. Ele pretende esclarecer as restrições impostas pela reforma eleitoral que trouxe uma série de alterações para o guia.

Relacionadas