quarta, 26 de setembro de 2018
João Pessoa
Compartilhar:

Vigilância Sanitária apreende quae meia tonelada de carne em João Pessoa

Da redação com assessoria / 29 de abril de 2016
Foto: Divulgação
Aproximadamente 500 quilos de carne foram apreendidos na manhã desta sexta-feira (29) pela Gerência Vigilância Sanitária de João Pessoa em um frigorífico localizado no bairro do Rangel, na Capital. A ação aconteceu após uma denúncia anônima à vigilância sanitária de que o proprietário do local realizava ilegalmente o abate de porcos e bodes e comercializava carnes estragadas.

Ao chegar ao local indicado, fiscais da Vigilância Sanitária e do Ministério da Agricultura inspecionaram o local, mas não detectaram vestígios de funcionamento de um abatedouro, já quanto às carnes foram encontradas alimentos sem registro de procedência.

“Não constatamos o abate clandestino, ou seja, não verificamos nenhuma evidência que indicasse ocorrer naquele local o abate, mas verificamos o comércio de carnes sem registro de procedência. Embora essas carnes não estivessem exatamente estragadas, estivessem acondicionadas corretamente e dentro do expositor, como elas não tem o registro de procedência não se pode garantir a sanidade do produto e dessa forma não podem ser comercializadas”, explica o gerente da vigilância sanitária do município, Alberto José.

Ainda de acordo com Alberto, a venda de produtos sem procedência declarada prejudica diretamente a população, que pode estar consumindo, no caso, uma carne de um animal contaminado e/ou doente. “A Vigilância Sanitária trabalha no sentido de garantir uma maior qualidade nos produtos que serão consumidos pela população, evitando assim riscos maiores à saúde”, explica o gerente.

Além da apreensão das carnes, o proprietário do local foi notificado até que haja uma adequação no funcionamento do estabelecimento às normas da Vigilância Sanitária. As carnes apreendidas serão doadas à Bica para o consumo dos animais.

Para informações ou denúncias, as pessoas podem entrar em contato com a Vigilância Sanitária através dos telefones 0800-281-4020 e 3214-7956.

Relacionadas