quarta, 26 de setembro de 2018
João Pessoa
Compartilhar:

Gargalo no encontro das BRs 101 e 230

Aline Martins / 30 de junho de 2016
Foto: Assuero Lima
O encontro das BRs 230 e 101, entre o município de Santa Rita e Bayeux, na região metropolitana de João Pessoa, tem tido constantes congestionamentos devido à chegada de veículos com destino a Capital toda segunda-feira no início da manhã. Por dia, passam nos quilômetros 40 e 84 (os mais próximos do trecho), respectivamente, 81.952 veículos (somados), segundo dados do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit). O órgão informou que tem um projeto de ampliação da via e que a previsão é que seja licitado no próximo semestre, mas a data ainda não foi definida.

Esse trecho é bastante movimentado, principalmente no período da manhã, no primeiro dia útil da semana, pois chegam carros vindos do interior do Estado, do Litoral Norte e da capital do Rio Grande do Norte – Natal. Se já é um fluxo intenso atualmente, quem passa pelo local já sente uma preocupação de como será quando o Hospital Metropolitano de Santa Rita, que está sendo construído nas proximidades dessa bifurcação, for entregue a população. O número de veículos deve se tornar maior, causando mais congestionamentos.

De acordo com o Dnit-PB, no local há uma previsão de complementação de via marginal, ou seja, ampliação do trecho, ligando o município de Santa Rita à Bayeux (no sentido crescente da BR-101/PB). Esse projeto está em fase de atualização de projeto. O órgão informou que essa alteração no local estava dentro das obras remanescentes da BR-101, mas no final do ano passado, a empresa responsável pela obra pediu rescisão de contrato e por conta disso, o Dnit deverá fazer nova licitação no próximo semestre para poder dar continuidade a execução do projeto.

O Departamento informou que é necessária uma adequação de capacidade desse segmento rodoviário, devido não só ao novo complexo hospitalar, mas também ao crescimento dos municípios de Santa Rita e Bayeux. Desde 2014, a Superintendência Regional do Dnit-PB solicitou, ao Dnit sede, a alocação de recursos para estudos e projetos com vistas ao segmento que parte do km 28 ao km 40 da BR-230/PB (Oitizeiro à Santa Rita).

 

Relacionadas