Acesso

Estatísticas
Compartilhar:

Agora já são 100: ataques no fim de semana aumentam número de ações contra bancos

Nice Almeida / 31 de agosto de 2015
Foto: Arquivo
Chegou a 100 o número de ataques a bancos na Paraíba. Somente neste final de semana foram contabilizados, pela polícia, duas explosões e um arrombamento. As três ações criminosas elevaram os números da violência contra essas instituições.

Na madrugada do sábado (29), duas agências bancárias do Bradesco foram detonadas na no interior da Paraíba. A primeira atacada foi a de Nazarezinho, a 460 km de João Pessoa, e a segunda foi a de Nova Floresta, a 120 km da Capital.

A Polícia Militar em Nazarezinho, no Sertão, informou que um grupo com pelo menos quatro pessoas teria provocado a explosão na agência. Durante a fuga, eles trocaram tiros com a PM, o que provocou um problema no tanque de combustível e o carro acabou abandonado pelos bandidos. Eles seguiram a fuga a pé.

Já em Nova Floresta, no Agreste, a PM disse que ao menos três homens e uma mulher explodiram a agência da cidade, mas não teriam conseguido roubar o dinheiro. Segundo a polícia, apesar da destruição no banco, o caixa eletrônico não teria sido violado e, conforme repassado a PM por testemunhas, a criminosa teria gritado “deu errado”. Eles fugiram pela rodovia BR-104. Segundo a Polícia Militar em Nova Floresta, o grupo estava fortemente armado, com armas calibre 380 e fuzil.

Já na noite do sábado, o ataque aconteceu no Shopping Popular 4400, em João Pessoa. Segundo informações da Polícia Militar três homens entraram no prédio pela marquise e renderam os vigilantes e comerciantes que estavam no local, que ficaram em poder dos assaltantes por cerca de três horas.

Os novos ataques ocorridos no final de semana ainda não foram contabilizados pelo Sindicato dos Bancários da Paraíba.

Relacionadas