sábado, 19 de agosto de 2017
Educação
Compartilhar:

Falta até banheiro nas escolas: censo revela condições precárias na educação da Paraíba

Lucilene Meireles / 19 de agosto de 2015
Foto: Assuero Lima
Apenas duas salas de aula. Quadra de esportes, sala de leitura e laboratório de ciências são apenas sonhos na Escola Estadual Padre João Félix, no Porto do Capim, em João Pessoa. A infraestrutura passa longe do que deveria ser, e a situação não é privilégio desta unidade. O portal QEdu divulgou, esta semana, a tabulação dos dados do Censo Escolar 2014 e constatou que falta estrutura na maioria das escolas da Paraíba. Apenas 24% contam com bibliotecas e, parece tão básico, mas ainda há prédios que não têm sequer banheiros.

A diretora da unidade, Maria do Livramento Andrade de Paula, admitiu que a escola tem dificuldades, mas ela tem procurado superar os obstáculos. Não tem sala de leitura, mas o momento é realizado no cantinho da leitura, dentro da sala de aula.

A diretoria e a secretaria funcionam num mesmo espaço. A mesa do refeitório improvisado é a mesma que os professores usam para reuniões. O laboratório de informática móvel é a conquista mais recente, através do Governo Federal, com 40 netbooks, e começa a funcionar ainda esta semana. “Não deixamos de fazer nada por não haver condições”.

Michelle Moreira da Silva é professora polivalente no turno da manhã e acredita que seria importante a contratação de um professor de educação física. A necessidade pede espaço para a prática do esporte. “Seria muito bom uma biblioteca para leitura, apesar de fazermos a atividade na sala de aula. Também falta espaço para os meninos que hoje brincam num espaço inadequado”, observou.

Leia reportagem completa no Jornal Correio da Paraíba

Relacionadas